Nestes tempos de crise, no qual o trabalho e o esforço são essenciais para praticamente todos os setores, soa como deboche  a proposta aprovada pela Câmara Legislativa e, com bom-senso, vetada pelo governador José Roberto Arruda, que dá aos servidores públicos uma folga nas datas de aniversário deles, desde que eles não tenham tido mais do que cinco faltas injustificadas no ano anterior. A proposta, do deputado Wilson Lima, foi aprovada há um mês pelos parlamentares, que agora vão decidir se derrubam ou não o veto de Arruda. Segundo o governo, o custo da benesse é de 14 milhões de reais. Haja bolos e velinhas!images3