A Coreia do Norte confirmou nesta segunda-feira  que realizou “com sucesso” seu segundo teste nuclear subterrâneo, conforme diz a agência estatal norte-coreana “KCNA”. O país comunista também informou que a explosão foi ainda mais forte – em poder e tecnologia – que a operação realizada em 2006. O governo norte-coreano afirmou que o teste foi “seguro”, sem vazamento de material radioativo.

O fato trouxe preocupações na comunidade internacional e as reações ocorrem em vários países. O presidente americano, Barack Obama, classificou o teste como uma ameaça à paz e segurança internacionais. A China, aliada dos norte coreanos, também condenou o teste. Japão e Coreia do Sul ficaram em alerta e querem uma resposta da comunidade internacional.